24 março 2008

Tempo a Tempo






Não é no dia do meu aniversário que sinto o tempo a passar.
É nos aniversários das datas exclusivas.
É no aniversário do próprio tempo que sinto o tempo a correr.
E eu a correr para o apanhar...




5 comentários:

Fatima disse...

Acredito que o dia hoje tenha passado a correr

Fatima disse...

Acredito que o dia hoje tenha passado a correr

Curiosa disse...

Toda a razão, Fátima.
Finalmente!!!

Obrigada.
Bjs

pinky disse...

não corras, vive-o!

Mr X disse...

Apanha-o! Mas agora com 20%.